IDA MARIA, KAISER CHIEFS AND OTHERS

É difícil dedicar um tempo a um Review bem detalhado com tao pouco tempo que eu tenho essa semana. As festas de Natal já comecaram aqui no Zoo e a semana está uma pauleira. Agora sao exatamente 02h20 da manha e eu tenho que estar no trabalho amanha as 12h00. Sendo que a labuta vai amanha até 02h da manha e a mesma coisa na Sexta e no Sábado. Tenso. Porém é o último mes de um ano muito ralado..que valeu a pena.

Bom, deixemos o trabalho de lado e falemos do lazer (e do prazer).

O X FM Winter Wonderland foi muito louco! Na verdade, nada MUITO louco como aquele show do Rolling Stones lá em Copacabana ou a mega-estrutura do U2 no Morumbi, mas um bom festival de rock!

Sem perder muito tempo, só quero deixar o registro de que o show da Ida Maria foi muito bacana. Eu percebi que ela nao é muito famosa aqui em Londres - ao contrário do que eu pensava. Ela nao é muito famosa em lugar nenhum. Talvez lá na Noruega. Bom..o set-list foi relativamente curto, com 7 músicas. Ela abriu com Queen of The World, depois encaixou Louie, Stella, uma cancao nova e depois Forgive Me (pra mim, a melhor do show), I Like You So Much Better When You're Naked e Oh My God. Ela cantou, tocou, gritou, dancou, jogou água na galera, se jogou no chao e literalmente COMEU o microfone nos gritos finais de Oh My God. Um show curto bem executado, cheio de energia. Só faltou Morning Light pra ser mais bacana.

Depois um show um tanto quanto bizarro do Iglu & Hartly. Apesar da tosquisse, até me diverti com os caras. Uma mistura muito estranha de Beastie Boys com Pet Shop Boys. Sei lá...muitos elementos e influencias visíveis na música deles, e um vocalista mala que cantou sem camisa e mandando beijinho pras menininhas.

Depois um show parado de The Rifles.

E finalmente, o majestoso show do Kaiser Chiefs. Entraram ao som de Money for Nothing do Dire Straits, mandaram uma do álbum novo e depois fizeram todo mundo pular igual louco com Everyday I Love You Less and Less, seguida do novo single Never Miss a Beat. O show foi muito tesao mesmo. O vocalista subiu nas caixas, se jogou na galera, curtiu pra caralho e fez todo mundo curtir pra caralho. Imagino como tenha sido o show deles no Brasil..deve ter sido massa tambem!

Enfim, preciso ir. Kaiser Chiefs subiu no meu conceito de vez. Os ingleses adoram os caras, e com razao. Apesar de enfrentar duras críticas por ter lancado o terceiro álbum sem muita inovacao, o álbum continua com a velha energia dos Chiefs. Cheio de refroes cantáveis, coros, guitarras maneiras, teclados espertos.

ALL RIGHT, MATE!

SEE YOU LATER!

Nenhum comentário:

Mais lidos no mês

Mailing E-mancipação