Nina Nóbrega e N.O.V.A.

O pessoal de Maringá, digo, o pessoal do rock de Maringá, deveria abrir mais os olhos para a diversidade que está rolando na cidade, para além do rock independente garagista e do repúdio ao contágio epidêmico do Sertanejo e suas inúmeras vertentes (já discutidas aqui no blog).

Falo isso pois andei ouvindo o myspace da jovem compositora Nina Nóbrega, a "menina" Nina que já participou do festival Rockingá (o 1º festival independente e gratuito da cidade, em Setembro do ano passado).


As músicas mudaram bastante. Não se limitam mais ao "voz e violão". As letras continuam adolescentes, claro, mas simplesmente refletem a idade da cantora. Não se pode esperar a complexidade de uma composição como as de Adriana Calcanhotto numa garota que tem a idade de Mallu Magalhães.

Fato é que me surpreendi com as músicas "Independência", "Canela" e "Futuro", disponíveis no MySpace. Cada uma tem sua peculiaridade e bons arranjos.

E também fiquei surpreso com o single lançado pela N.O.V.A., banda de Adriano Haveck (que também é DJ), Alexandre Gonçalves e Alan Relk, da música Sombra e Luz, com Nina Nóbrega.

O experimentalismo a la Brian Eno do grupo soou muito bem com os timbres vocais de Nina. Um belo encontro de gerações, considerando que os rapazes do N.O.V.A. já passaram dos trinta anos e Nina nem maior é.

Combinação exótica e bacana. Vale a pena conferir.


Esperamos por uma apresentação na Cidade Canção.

Nenhum comentário:

Mais lidos no mês

Mailing E-mancipação