Do the right thing

A preguiça é um pecado capital. Pelo menos, segundo São Tomás de Aquino. E eu confirmo.

Sexta-feira, duas da manhã, depois de um happy hour que começou no Bar do Zé e encerrou em casa com muita cerveja, Jack Daniels e cachaça Seleta, fui tirar o sapato social sem desamarrar o cadarço (sabe, quando você segura a sola de trás com um pé e levanta o outro?) e acabei destruindo a sola do coitado do sapato.

Resultado: tive que me aventurar na Avenida Brasil hoje de manhã atrás de um sapato social preto, de cadarço, com numeração 44 - o que foi um desafio que me custou mais de uma hora, conversinhas banais com seis vendedores de diferentes lojas e mais de cem reais.

Ou seja, de fato a preguiça é um pecado, que por vezes dói no bolso. Pecado capital!

Aprendam com a lição: mesmo encervejados, desamarrem seus queridos sapatos, ó colegas, e o retirem com todo o zelo e amor. Afinal, o pobrezinho merece.

2 comentários:

menino tenso disse...

cara, engraçado isso. meus "sapatos" sempre estragam pela mesma idiotisse. apesar de conhecer as causas eu nunca larguei esse hábito, bêbado ou não.

menino tenso disse...

cara, engraçado isso. meus "sapatos" sempre estragam pela mesma idiotisse. apesar de conhecer as causas eu nunca larguei esse hábito, bêbado ou não.

Mais lidos no mês

Mailing E-mancipação