Páscoa

Pô, a páscoa em Caiobá foi bacana...esqueci de comentar.


Apesar de ter me ferrado na carona, pois era pra eu ir e voltar de carona com meus tios, mas fui e voltei de busão pagando R$ 84,50 em cada passagem, tudo deu certo e os dias foram curtidos.

Rolou jam session no Paulinho com muito rocknroll e swinguera...toquei guitarra, bateria, baixo e o fiz uns vocais loucos com o Renan. Tudo muito massa, galera curtindo dentro e fora da edícula lá da casa dele.

Rolou imagem & acão com momentos inesquecíveis...tipo o verbo ossilar (fiz um osso e um lar, e a besta do Carioca não conseguiu adivinhar, nem minha mãe).

Rolou cerveja, comida boa da mãe e chocolate caseiro de sobremesa.

Rolou aventura radical, subindo o Salto do Tigre na trilha louca, fazendo escaladas em pedras litorâneas e escorregando no lodo em direcão à lagos naturais.

Rolou ensaios com o Renan no seu quarto, pirando nas suas incríveis músicas.

E momentos de tranquilidade, indo ler um livro na areia da praia, ou dormindo depois do almoco, esquecendo de tudo.

O ruim foi a saudade da Tonis que ficou em Maringá, mas eu sobrevivi e aqui estou a amando de volta!

Agora, de volta à rotina...
PARABÉNS TIA PATI pelo aniversário e por ter me ensinado as primeiras letras.

E Rooney, o CD que você enviou de Londres não chegou ainda, estou esperando. Como que tá a Libra? Já rola mandar aquela grana das férias? Tá ficando tenso aqui!

Abracos.

Um comentário:

michelroberto disse...

heaouehuoaeh
ossilar é foda, ein!!
heauoehuohae

Mais lidos no mês

Mailing E-mancipação