The Big Lebowski

Caramba!

Que filme da hora, que filme massa. Pena que eu não assisti com um drink, uma cerveja ou um White Russian, mas "The Big Lebowski" (1998) era um dos filmes cults que eu não tinha assistido até hoje.

Em Camden Town, na Camden Street Market - local onde pegou fogo em Fevereiro, a maioria das estampas são do Big Lebowski. Camisas escritas: The Dude; com ele de roupão, ou apenas frases como: "The Dude Abides", ou mesmo "Careful man, there's a beverage here!". Frases hilárias.

Esse amor pelo filme reflete não só nas lojas de rua em Camden, mas também em festas pelo Reino Unido, chamadas de LEBOWSKI FEST, festas criadas pelos fãs do filme, na qual você pode ir fantasiado como um dos tão marcantes personagens. Puta merda, o que é aquele figurino do John Turturro, né? Aquele macacão rouxo. Que figura.

Além de festas, camisas, comunidades no Facebook, Big Lebowski ainda é tópico de discussão, rendendo matérias na BBC: http://news.bbc.co.uk/1/hi/magazine/7662943.stm (Is The Big Lebowski a cultural milestone?).


Dez anos se passaram e o filme continua sendo discutido, suas frases repetidas e seus personagens reverenciados. "Burn After Reading" (2008) não conseguiu chamar tanta atencão como Lebowski, mas os Coen Brothers continuam sendo um dos diretores mais aclamados aqui na Inglaterra.

E como o cowboy Sam Elliot diz, ver o The Dude com seu jeito tão sossegado nos dá até um alívio. O cara é disciplina. O cara aguenta. The dude abides.

Nenhum comentário:

Mais lidos no mês

Mailing E-mancipação